A sua empresa lucra com o Facebook?


Algumas empresa julgam que o Facebook não é lucrativo. Uma das razões que gera essa ideia é o facto de muitas delas usarem mal o Facebook. São muitas as armadilhas do marketing do Facebook e as boas práticas requerem um acompanhamento constante.

Erros comuns
A maior parte das pequenas e médias empresa lançam-se no Facebook sem preparação e tornam-se vítimas destes erros:

  • criar uma página no Facebook com um nome pouco adequado, e que não pode mudar mais tarde.
  • optam pela quantidade em vez da qualidade de publicações; o mesmo se aplica à soma bruta de fãs em vez da qualidade.
  • colocam um estagiário sem formação como administrador da página. Contratar alguém para o marketing do Facebook só porque já usava o Facebook é como contratar um electricista cuja única qualificação é já ter ligado luzes antes.
  • a empresa fala demasiado dela própria nas publicações.
  • não obtém muitas respostas às suas publicações (com taxas de feedback inferiores a 0,5%.


Contudo há empresas a aumentar o número de fãs nas suas páginas do Facebook, mas não tem um plano nem a pessoa certa para interagir com esses fãs. Muitos não percebem isso, mas, por que os fãs não andam a interagir com as suas publicações, o Facebook deixou de mostrar as publicações a 90% desses fãs. E isto só piora com o tempo. Tudo isto pode ser consertado ou evitado com formação.